PASTA AMERICANA – DICAS

Apr 9th
pasta americana dicas
FacebookTwitterPinterest

A pasta americana pode ser sua maior amiga ou sua mais atroz inimiga…usada para decorar bolos em ocasiões especiais, quando bem trabalhada, vai valorizar o bolo e transforma-lo em uma obra de arte. Para que isto aconteça, são necessários alguns cuidados. Confira as dicas e crie uma longa e duradoura amizade com a pasta americana… 

  1. Como a pasta americana é sensível à temperatura ambiente, especialmente umidade, sempre que possível, faça a sua. Assim você controla a quantidade de glicerina que vai utilizar de acordo com a umidade do ambiente. A pasta comprada pronta nem sempre se adapta ao local que será utilizada. Para quem mora nos Estados Unidos ou Inglaterra, existe uma grande variedade de pastas prontas, então fica mais fácil encontrar a que melhor se adapta à determinados locais. 
  2. Já para algumas cores, o melhor é comprar a pasta já tingida. Para pastas nas cores preta, vermelha ou marinho, é muito difícil (impossível) chegar na cor desejada. Assim a solução são as pastas já prontas.
  3. A pasta americana tingida, especialmente a que foi tingida por você, desbota em contato com a luz. Qualquer luz, não apenas do sol, mas elétrica também. As cores mais propensas a desbotar são rosa e lilás. A pasta roxa tende a ficar azul em contato com a luz. Também é uma boa idéia utilizar a que já vem pronta. Uma boa solução é cobrir o bolo com papel celofane de cor escura ou colocar em uma caixa fechada, depois de decorado com estas cores, para evitar surpresas (desagradáveis) de ultima hora. Muita gente tem dúvidas, e receios, sobre colocar o bolo coberto com  pasta americana na geladeira. Isto é sim possível, e as vezes necessário. Por exemplo se vai ter vários bolos para entregar no mesmo dia, pode fazer antecedência e guardar na geladeira. O problema com a geladeira é a condensação que irá ocorrer quando o bolo for retirado da geladeira e  voltar em temperatura ambiente. O bolo vai suar um pouco. Para diminuir este efeito deixe a geladeira na temperatura mais alta possível. Coloque o bolo dentro de uma caixa fechada enquanto estiver na geladeira. Deixe para decorar o bolo depois que já estiver degelado e seco. Neste caso, deixe já as decorações prontas e depois use glacê real para cola-las no bolo.
  4. A pasta americana NÃO vai fazer um bolo mal feito, torto e com imperfeições ficar lindo. Pelo contrário, pode realçar ainda mais os problemas. Para conseguir um bolo bem acabado, comece com um bolo bem montado, bem recheado, reto e coberto corretamente com ganache. Certifique-se que o bolo está perfeito antes de colocar a pasta.
  5. Um local adequado para abrir a pasta, como uma pedra de mármore ou um plástico grosso e um rolo grande e liso utilizados apenas para este fim, são fundamentais para conseguir um bom efeito com a pasta. Tenha sempre em mãos um saquinho com amido para polvilhar levemente a bancada e certifique-se que a pasta não está grudando conforme vai abrindo.
  6. Caso você ainda não tem muita experiência com a pasta, pratique antes com um bolo falso,do tamanho do bolo que irá fazer de verdade. Passe uma fina camada de gordura vegetal no isopor antes. Abra a pasta e cubra o bolo falso, retire a pasta e repita várias vezes o processo, até sentir-se segura para cobrir o bolo verdadeiro. Dispense esta pasta e use uma nova para o bolo. Tente abrir a pasta na mesma espessura em sua totalidade, para garantir uniformidade ao bolo.
  7. Alise bem a pasta antes de transferi-la para o bolo. Use alisadores próprios para isto. É mais fácil retirar as imperfeições enquanto a pasta ainda esta na bancada, do que tentar depois de coloca-la no bolo.
  8. A pasta americana não é ideal para todos os tipos de decoração. Para algumas modelagens você pode adicionar um pouco de cmc à pasta para ficar mais firme. Para flores utilize a massa para flores.
  9. Muitas vezes é mais fácil cobrir um bolo grande do que um pequeno. Especialmente um bolo pequeno e alto pode ser bem mais dificil para cobrir, pois se formam mais pregas na lateral do que um bolo grande. Portanto tenha isto em mente quando orçar mini bolos…Não é só o tamanho que conta, mas a dificuldade e o tempo que se leva para executa-los (bem).
  10. Por fim, a pasta americana (especialmente a que você fizer) não tem este sabor terrível que se fala por ai. Já vi muita gente que nunca provou, falando que detesta. Acho que o maior problema com a pasta é a sua textura, meio elástica, que em nada combina com a maciez do bolo. Mas a sua beleza, quando bem executada, supera em muito este problema. Viva a pasta americana…