03jun

QUANTO CUSTA O BOLO???

Postado por Thelma Tomb
price info

Em outro artigo escrevi sobre quanto cobrar pelo bolo. Embora não especifiquei um valor, pois isto é praticamente impossível, porque devemos levar em conta vários aspectos, especialmente a região que nos encontramos e a clientela que atendemos, abordei alguns pontos importantes a serem considerados. Mas como eu recebo diariamente emails com perguntas sobre o custo do bolo, e percebo em alguns grupos que participo, em redes sociais, que este questão é muito abordada, e as informações são bem divergentes e na maioria da vezes, acabam confundindo mais do que esclarecendo. Analisando um pouco melhor todo este conjunto de perguntas e respostas, percebo que existe uma grande confusão na hora de calcular o custo e consequentemente o valor a ser cobrado. 

Notei que o calculo mais utilizado é o do custo dos ingredientes somados, multiplicado por 3 e adicionado algo como 30% para custos operacionais, como luz, gás etc. Embora este calculo deva funcionar (eu imagino) para grandes quantidades do mesmo produto é totalmente inadequado, no meu ponto de vista, para peças únicas, bolos decorados de acordo com aquele pedido específico, feito especialmente para um determinado cliente. Devemos levar em consideração vários aspectos deste trabalho para cobrar um valor justo e apropriado.

  1. A mão de obra especializada ou seja, a boleira que investiu em cursos, livros, dvd’s e gastou horas pesquisando o assunto na internet.
  2. Diferente de uma produção em série, aonde os ingredientes são comprados em grande quantidade, portanto os preços são bem menores, quem faz bolos decorados normalmente compra os produtos no varejo e especificamente para os pedidos daquela semana. Então fica sem sentido cobrar o valor da padaria ou do supermercado.
  3. Para cada bolo as necessidades de tabuleiros, fitas, moldes, embalagens etc. são diferentes, portanto mais tempo é gasto com estes detalhes. Muitas vezes temos que sair para ir em lojas especializadas para comprar uma fita por exemplo para decorar aquele tabuleiro daquele bolo. Em produções em série isto não acontece.
  4. Devemos também lembrar que muitas vezes fizemos reuniões com noivas por exemplo, pesquisamos e desenvolvemos um design específico para determinada ocasião, diferente das produções em série.
  5. Em caso de bolos maiores, o transporte é muito mais elaborado e custoso, mas nem sempre levado em consideração na hora de calcular o custo.
  6. As ferramentas necessárias para cada bolo – como formas especificas e e infindáveis conjuntos de estecas, cortadores, marcadores etc. muitas vezes caras e difíceis de encontrar fazem parte do custo operacional mas normalmente não foram levadas em consideração.
  7. Cada bolo é diferente, portanto o tempo gasto e a dificuldade para decora-lo também será. Por isto calcular o valor por kilo ou por fatia fica quase impossível.É muito mais justo um valor pelo bolo, que você determina em função de tudo isto e passa para o cliente. Assim ele já sabe quanto vai pagar e você já sabe quanto vai receber.

CONCLUSÃO – Os ingredientes utilizados são uma parte mínima do custo total para fazer um bolo decorado, portanto, na minha opinião, multiplica-los por 3 não vai refletir o valor real de um bolo.

 

Deixe um Comentário

1 Comentário:QUANTO CUSTA O BOLO???

  1. Silvia Fernandes

    Nossa! Isso é muito abstrato! É complicado…difícil cobrar pela ficha técnica, por kilo ou por fatia; e estipular um valor específico, a depender do bolo, considerando todos esses aspectos abordados no artigo, também é bem complexo!